quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

A dança

Com seu corpo junto ao meu
No balançar de meus quadris
Suas mãos passeam pela minha cintura
Minha respiração fica ofegante

Sinto seu sexo bem próximo às minhas pernas
Isso instiga meu desejo, me transforma em brasas
Meu olhar procura seu olhar, desesperadamente
Me sinto nua, torpe e, diante de ti, doou-me...

Sua boca envolve todos os meus sentidos
E a vontade louca de tomá-lo só engrandece a fúria
Imagino nossos lábios se tocando ferozmente,
E, alucinadamente, inundados de volúpia, bailamos...

A alma úmida, tomada pela fome, tensa
E na imperfeição de nossos movimentos
Mostradamente encontram-se os lascivos laços
Momento único, cálido, de luxúria e sedução, tesão...

1 Sentiram na Pele:

EU SOU NEGUINHA disse...

Uiiiiiiiiiii,delicia...risos
beijos

© Copyrigth 2009 Danny Montenegro Por Desejo a Flor da Pele
Todos os direitos reservados