terça-feira, 25 de agosto de 2009

Descobrindo o prazer


Foi quando sem pedir permissão, ele a tomou à mão e a levou para o interior da casa, estando na sala ela podia sentir o ar pesado, eles tentavam disfarçar a forte atração que os impelia um para o outro, mas todo o esforço era em vão.
Ela tenta livrar-se das mãos dele e sair em direção a porta, mais ele a impede segurando-a pelo braço e a abraça de forma rude e carinhosa ao mesmo tempo, surpresa ela olha para ele e abre a boca assustada, nesse momento ele toma a sua boca com desejo e volúpia, ela se debate surpresa, mas logo depois se entrega as delicias daquele beijo quente e sensual. Ele penetra a língua em sua boca e a explora de forma provocante, e o encontro de suas línguas quentes proporciona um prazer eletrizante, por ela nunca sentido.
Enquanto as mãos dele percorrem todo o corpo dela explorando a pele macia que até aquele momento nunca fora tocada por um homem. Ele a pega no colo e a leva para o seu quarto, ardendo de desejo a coloca em sua cama, coloca-se em cima dela beijando-a e fazendo-a sentir como já era implícito e latente o seu desejo de possuí-la naquele momento.
Provocante ele toca-lhe o rosto com suavidade e escorrega a mão para a pele sensível da nuca, surpresa ela prende a respiração e agitada mexe-se procurando escapar daquele toque devastador, mas já não há mais como, seu corpo não obedece, a razão manda que se livre daquele homem, mas o desejo é mais forte e ela desabotoa a blusa dele e acaricia o seu peito forte e encoberto de pelos negros e macios.
Ele sem poder se controlar tamanho era o seu desejo, rasga o vestido dela deixando-a só de roupas intimas e passa a acariciá-la primeiro com as mãos, no pescoço, o vale perfumado entre os seios o abdômen macio, o triângulo de pelos que neste momento ainda encontra-se protegido pela calcinha, as coxas e novamente faz todo o percurso só que dessa vez com a boca, alternando entre beijos, lambidas e leves mordidas, enquanto ela delira de prazer, um prazer por ela antes nunca sentido com tal intensidade.
Continua...
Para ler todo conto clique: Aqui

1 Sentiram na Pele:

intimidades disse...

fantastico

deu-me vontade de decobrir novos prazeres

Jokas
Paula

© Copyrigth 2009 Danny Montenegro Por Desejo a Flor da Pele
Todos os direitos reservados