sexta-feira, 24 de julho de 2009

Extase


Meu corpo sente o peso do teu
Estou presa a ti
E não penso um minuto em desgrudar
Corpo a corpo
Ventre a ventre
E numa harmonia única
Você se encontra dentro do meu corpo
Em movimentos intensos e profundos
Eu me entrego e te prendo junto ao meu corpo
Deixo claro o meu prazer
Aquele vulcão que está prestes
À explodir
Em um orgasmo célere mas fascinante...
Sinto a contração dos seus quadris
O teu prazer se aproxima
Numa entrega mútua e linda
Dois corpos extasiados
Vivos pelo ardor do momento
Querem explodir de desejo outra vez
Com mais e mais emoção
Sinto o teu coração acelerar junto ao meu
Saboreio o teu suor
Com um beijo em teu peito nu
Minhas mãos passeiam pelo eu corpo
Instigo mais uma vez o teu sexo
E um gemido escuto vindo de ti
Respiração aceleradas
Mãos inquietas
Tua boca procura a minha
E num enroscar de línguas
sentimos a chama do amor renascer
Tua vez de passear pelo meu corpo
E ele responde rápido...
Tua língua aveludada acaricia os recantos mais secretos
E desce para mais uma aventura...
Percebes que isso me inebria
Acelera os movimentos
E num contínuo e gostoso abraço
o prazer vem mais uma vez nos sorri.

0 Sentiram na Pele:

© Copyrigth 2009 Danny Montenegro Por Desejo a Flor da Pele
Todos os direitos reservados